Quais são os perigos de ficar muito tempo sentado no trabalho?

Descubra os riscos à saúde de ficar muito tempo sentado no trabalho e confira dicas essenciais para manter-se ativo e melhorar a postura. Veja mais neste artigo!
Sumário
ficar muito tempo sentado

Passar muito tempo sentado no trabalho é uma parte integrante da rotina de milhões de pessoas. No entanto, é importante saber que o hábito pode trazer grandes problemas para a saúde.

De acordo com especialistas em saúde ocupacional, o sedentarismo é um fator de risco comum e subestimado que costuma prejudicar (e muito) a saúde do corpo.

Estudos mostram que ficar muito tempo sentado aumenta o risco de morte, contribui para o aumento de peso e obesidade, reduz a fertilidade masculina, prejudica a coluna vertebral, atrapalha a circulação sanguínea e linfática, e está associado a doenças crônicas como diabetes, doenças cardíacas e certos tipos de câncer.

É importante adotar medidas para combater os efeitos do sedentarismo, como fazer exercícios regularmente, adotar uma postura adequada, e se movimentar regularmente durante o dia de trabalho.

Com isso em mente, confira abaixo tudo que você precisa saber sobre os perigos de ficar muito tempo sentado no trabalho, e as principais dicas para evitar estes problemas.

Ficar muito tempo sentado faz mal?

Sim! Segundo especialistas em saúde ocupacional e doenças do trabalho, o hábito de ficar muito tempo sentado, definitivamente, faz mal ao corpo.

Ficar muito tempo sentado, em primeiro lugar, contribui para o surgimento de problemas de postura. A má postura ao sentar-se, sem respeitar as curvaturas naturais da coluna vertebral, aumenta a pressão entre os discos intervertebrais, causando dores nas costas.

Em alguns casos, a má postura pode levar ao desenvolvimento de problemas mais graves, como hérnia de disco. É importante adotar uma postura adequada ao sentar-se e manter a coluna alinhada para evitar esses problemas.

Consequências da má postura:

  • Dores nas costas: A má postura ao sentar-se coloca uma pressão excessiva sobre as estruturas da coluna vertebral, causando desconforto e dores constantes.
  • Hérnia de disco: A pressão entre os discos intervertebrais devido à má postura pode levar ao deslocamento do disco e à hérnia de disco, causando dor intensa e limitações na mobilidade.
  • Desalinhamento da coluna vertebral: A falta de alinhamento adequado da coluna pode resultar em desvios posturais, como cifose, lordose e escoliose, afetando a estabilidade e o equilíbrio do corpo.
  • Redução da flexibilidade: A má postura crônica pode levar a encurtamentos musculares e redução da flexibilidade, o que pode limitar a amplitude de movimento e aumentar o risco de lesões.

Como evitar problemas de postura ao ficar muito tempo sentado?

Para prevenir problemas de postura, é importante adotar alguns cuidados ao sentar-se:

  • Mantenha os pés apoiados no chão ou em um suporte adequado;
  • Ajuste a altura da cadeira para que os joelhos fiquem dobrados em um ângulo de 90 graus;
  • Utilize um apoio lombar para manter a curvatura natural da coluna lombar;
  • Mantenha os ombros relaxados e alinhados com os quadris;
  • Mantenha a tela do computador na altura dos olhos para evitar inclinar a cabeça para frente;
  • Tire pausas regulares para levantar-se, alongar-se e movimentar-se;
  • Pratique exercícios de fortalecimento muscular e alongamento para manter a musculatura e as articulações saudáveis.

Adotar essas medidas simples pode ajudar a prevenir problemas de postura causados pelo sedentarismo e promover uma coluna vertebral saudável.

Na tabela abaixo, você pode conferir alguns dos problemas de postura mais comuns, e os melhores métodos para tratar cada um deles:

Problemas de postura Sintomas Tratamento
Má postura na cadeira Dores nas costas, rigidez muscular Ajuste da postura ao sentar, fisioterapia, fortalecimento muscular
Escoliose Desvio lateral da coluna, assimetria nas costas Tratamento conservador ou cirúrgico, fisioterapia, exercícios específicos
Cifose Curvatura excessiva da coluna torácica, “corcunda” Fisioterapia, exercícios de fortalecimento e alongamento, uso de coletes posturais
Lordose Aumento exagerado da curvatura lombar, “barriga para frente” Fisioterapia, exercícios de fortalecimento e alongamento, correção postural

Impactos do sedentarismo na saúde

O sedentarismo, também relacionado ao costume de ficar muito tempo sentado no trabalho, pode ter diversos impactos na saúde.

Estudos mostram que ficar sentado por longas horas aumenta o risco de desenvolvimento de doenças crônicas como diabetes, doenças cardíacas e certos tipos de câncer.

Da mesma forma, o sedentarismo pode levar ao aumento de peso e obesidade, já que o corpo não está em movimento para queimar calorias.

O estilo de vida sedentário também é associado à diminuição da fertilidade masculina, causando redução na concentração de esperma – falaremos mais sobre isso abaixo.

Outro impacto do sedentarismo é o surgimento de dores constantes no corpo, como dores de cabeça, na coluna, nas pernas e nos nervos.

Ficar muito tempo sentado prejudica a circulação

Permanecer na posição sentada por longos períodos de tempo prejudica a circulação sanguínea e linfática. Isso pode levar ao aparecimento de inchaço nas pernas, dores nas pernas e varizes.

A má circulação sanguínea e linfática é um problema frequente entre pessoas que passam muito tempo sentadas, principalmente quando a postura não é adequada.

O sedentarismo e a falta de movimentação durante o dia, dessa forma, contribuem para o acúmulo de líquidos nas pernas, causando inchaço e desconforto.

Do mesmo modo, a falta de movimento também pode prejudicar o retorno venoso, dificultando o fluxo de sangue de volta ao coração, o que resulta em problemas de circulação, como varizes e sensação de peso e cansaço nas pernas.

Para melhorar a circulação sanguínea e linfática e evitar esses problemas, é importante movimentar-se regularmente durante o dia.

Algumas dicas simples podem ajudar, como levantar-se e caminhar um pouco a cada hora, fazer pequenos alongamentos e exercícios para ativar a circulação nas pernas, como flexionar os pés e balançar as pernas.

Nesse cenário, utilizar meias de compressão também pode ser uma opção interessante para auxiliar na circulação.

É fundamental cuidar da saúde vascular e evitar o sedentarismo, implementando pequenas práticas no ambiente de trabalho que possam ajudar a melhorar a circulação sanguínea e linfática.

Impactos do sedentarismo na fertilidade masculina

Como citamos anteriormente, o sedentarismo pode afetar a fertilidade masculina de maneira significativa.

Estudos comprovam que passar longos períodos sentado reduz a concentração de esperma no líquido espermático. Homens que não se levantam e se movimentam regularmente ao longo do dia podem perder até 30% de sua fertilidade.

Para evitar esse problema, é fundamental adotar medidas que incentivem a movimentação frequente.

Levantar-se da cadeira e realizar pequenos exercícios físicos durante o expediente, como caminhar pela sala ou alongar-se, podem fazer toda a diferença. Também é recomendado criar uma rotina de exercícios físicos fora do ambiente de trabalho para manter o corpo ativo e saudável.

Ao cuidar da saúde e evitar o sedentarismo, os homens podem preservar a concentração de esperma e melhorar suas chances de fertilidade.

Portanto, é crucial priorizar a movimentação no dia a dia e adotar um estilo de vida mais ativo, buscando equilibrar as demandas do trabalho com a importância de cuidar da saúde e do bem-estar.

Dicas para evitar problemas ao ficar muito tempo sentado

Quando se passa muito tempo sentado no trabalho, é essencial adotar alguns cuidados para evitar danos à saúde. 

Combinando dicas para se movimentar no escritório, ergonomia no trabalho e exercícios para quem trabalha sentado, é possível minimizar os impactos negativos do sedentarismo.

Um cuidado fundamental é levantar-se e movimentar-se regularmente a cada 30 minutos. Essas pausas curtas permitem que você estique as pernas, movimente os braços e promova uma melhor circulação sanguínea e linfática.

Aproveite também para fazer exercícios leves durante o expediente. Alongamentos simples, como girar os ombros e pescoço, levantar-se e caminhar pela sala, ou mesmo fazer alguns agachamentos, podem ajudar a manter seu corpo ativo e evitar dores e problemas de saúde relacionados à falta de movimento.

Sob o mesmo ponto de vista, a adoção de uma postura adequada ao sentar-se é essencial. Certifique-se de que suas costas estejam apoiadas no encosto da cadeira, mantenha os pés apoiados no chão ou em um apoio para os pés e evite inclinar-se para a frente ou para trás de forma excessiva. Isso ajudará a prevenir problemas de postura e dores nas costas.

Um ambiente de trabalho ergonomicamente adequado também se torna crucial para evitar os perigos de ficar muito tempo sentado.

Certifique-se de que sua cadeira seja ajustável em altura e inclinação, que sua mesa esteja na altura correta em relação ao seu corpo e que seus equipamentos, como mouse e teclado, estejam posicionados de forma confortável e adequada para você.

Por fim, faça uso de pausas programadas para se alongar e movimentar-se. Estabeleça uma rotina de pausas curtas a cada hora, nas quais você pode caminhar pelo escritório, fazer alguns alongamentos ou mesmo subir e descer escadas.

Lembre-se sempre: cuidar do seu bem-estar no trabalho é fundamental para garantir uma maior qualidade de vida e evitar os danos do sedentarismo. Adote esses cuidados e movimente-se regularmente ao longo do dia para garantir uma melhor saúde no trabalho.

Exercícios e alongamentos para quem trabalha sentado

Para quem trabalha sentado por longas horas, é importante adotar exercícios e alongamentos adequados no ambiente de trabalho.

Essas atividades ajudam a manter o corpo ativo, melhoram a circulação sanguínea e linfática, e reduzem os danos causados pelo sedentarismo. Abaixo estão alguns exemplos de exercícios e alongamentos simples que podem ser realizados no escritório:

  • Esticar as pernas e os braços: Sentado na cadeira, estique as pernas para a frente e flexione os pés. Em seguida, estenda os braços para cima e alongue-os.
  • Rotação dos ombros e pescoço: Movimente os ombros para frente e para trás, fazendo também movimentos circulares. Em seguida, gire o pescoço suavemente para os lados e para frente e para trás.
  • Levantar-se e andar pela sala: A cada 30 minutos, levante-se da cadeira e faça uma caminhada curta pela sala ou corredor. Essa pausa ajuda a ativar os músculos e melhorar a circulação.
  • Agachamentos: Em pé, afaste as pernas na largura dos ombros e flexione os joelhos, como se fosse sentar em uma cadeira imaginária. Mantenha a postura correta e repita o movimento por algumas vezes.
  • Exercícios de fortalecimento muscular: Utilize equipamentos leves, como halteres ou faixas de resistência, para realizar exercícios de fortalecimento muscular. Eles podem incluir flexões de braço, agachamentos com peso e extensões de pernas.

É importante ressaltar que cada pessoa tem suas próprias necessidades e condições físicas, por isso é recomendado buscar orientação profissional para adaptar os exercícios de acordo com suas especificidades. Além disso, é recomendável realizar os exercícios de forma gradual e respeitar os limites do próprio corpo.

Importância da ergonomia no trabalho

A ergonomia no trabalho desempenha um papel importantíssimo na prevenção de lesões e problemas de saúde decorrentes do sedentarismo.

Ter um ambiente de trabalho adequado, com móveis e equipamentos ergonômicos, contribui para uma postura correta e redução do impacto no corpo.

Quando o ambiente de trabalho é ergonomicamente adequado, os funcionários têm melhor suporte para manter uma postura adequada, o que ajuda a evitar problemas de coluna, lesões por esforço repetitivo e dores crônicas.

Além disso, a ergonomia no trabalho também pode contribuir para aumentar a produtividade e a qualidade de vida no ambiente profissional.

Benefícios da ergonomia no trabalho:

  • Melhora da postura e redução de tensões musculares;
  • Prevenção de lesões por esforço repetitivo;
  • Redução de dores crônicas;
  • Aumento da produtividade e eficiência;
  • Redução do número de afastamentos por problemas de saúde relacionados ao trabalho;
  • Melhoria na qualidade de vida;
  • Aumento da satisfação e do bem-estar dos colaboradores.

O que é um ambiente de trabalho com ergonomia?

Um ambiente de trabalho ergonomicamente adequado inclui cadeiras com ajustes ergonômicos, mesas com a altura correta, apoios para os braços, suportes para os pés, além de equipamentos e acessórios que facilitem a realização das atividades diárias.

Fornecer treinamentos sobre ergonomia e estimular pausas para alongamento também são práticas importantes para garantir a saúde dos colaboradores.

Investir na ergonomia no trabalho é uma forma de demonstrar preocupação com o bem-estar dos funcionários e promover um ambiente saudável.

Além dos benefícios individuais, isso também pode ajudar a elevar a imagem da empresa, atrair talentos e aumentar a retenção de profissionais qualificados.

Vantagens da ergonomia no trabalho Resultados
Melhora da postura e redução de tensões musculares Aumento do conforto e bem-estar dos funcionários
Prevenção de lesões por esforço repetitivo Redução do número de afastamentos e custos com tratamentos médicos
Redução de dores crônicas Melhoria da qualidade de vida e aumento da satisfação dos colaboradores
Aumento da produtividade e eficiência Melhoria dos resultados da empresa e maior competitividade no mercado

Benefícios de se movimentar durante o dia de trabalho

Movimentar-se regularmente durante o dia de trabalho traz diversos benefícios para a saúde e a produtividade.

Além de combater os efeitos negativos do sedentarismo, a movimentação ajuda a melhorar a circulação sanguínea e linfática, reduzir o estresse, aumentar a energia e a disposição, melhorar o humor e a concentração, e prevenir problemas de saúde relacionados ao sedentarismo.

Por último, os funcionários que se movimentam regularmente tendem a ser mais produtivos e comprometidos com o trabalho.

FAQ

Quais são os perigos de ficar muito tempo sentado no trabalho?

Ficar muito tempo sentado no trabalho pode trazer diversos perigos para a saúde, como problemas de postura, sedentarismo e riscos para a saúde.

Quais são os impactos do sedentarismo na saúde?

O sedentarismo pode aumentar o risco de desenvolvimento de doenças crônicas, como diabetes, doenças cardíacas e certos tipos de câncer. Além disso, está associado ao aumento de peso, diminuição da fertilidade masculina e dores constantes no corpo.

Quais são os problemas de postura causados pelo sedentarismo?

O sedentarismo contribui para o surgimento de problemas de postura, como dores nas costas e hérnia de disco.

Quais são os riscos para a circulação sanguínea e linfática ao ficar sentado por horas?

Ficar sentado por longos períodos prejudica a circulação sanguínea e linfática, podendo levar ao inchaço nas pernas, dores e varizes.

Como o sedentarismo afeta a fertilidade masculina?

O sedentarismo reduz a concentração de esperma no líquido espermático, afetando a fertilidade masculina.

Quais cuidados devemos ter ao ficar sentado por horas?

É importante adotar medidas como levantar-se e movimentar-se regularmente durante o dia e adotar uma postura adequada ao sentar-se para combater os efeitos do sedentarismo.

Quais são os exercícios e alongamentos recomendados para quem trabalha sentado?

Alguns exemplos de exercícios e alongamentos que podem ser feitos no trabalho incluem esticar as pernas e os braços, fazer rotação dos ombros e pescoço, levantar-se e andar pela sala, fazer agachamentos e exercícios de fortalecimento muscular.

Qual é a importância da ergonomia no trabalho?

A ergonomia no trabalho é essencial para prevenir lesões e problemas causados pelo sedentarismo. Ter um ambiente de trabalho adequado, com móveis e equipamentos ergonômicos, contribui para uma melhor postura e redução do impacto no corpo.

Quais são os benefícios de se movimentar durante o dia de trabalho?

Movimentar-se regularmente durante o dia de trabalho traz diversos benefícios para a saúde e a produtividade, como melhorar a circulação sanguínea e linfática, reduzir o estresse, aumentar a energia e a disposição, melhorar o humor e a concentração, e prevenir problemas de saúde relacionados ao sedentarismo.

Outros artigos relacionados

Inscreva-se na
Genyo News

Toda semana na sua caixa de e-mail. É grátis!

Compartilhe este artigo

Compartilhe este artigo

Consentimento de Cookies

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação. Ao continuar navegando, você declara ciência dos: Termos de Uso, Políticas de Privacidade e Cookies.

A gestão inteligente que o seu RH e DP merecem

Este controle de ponto digital permite acompanhar remotamente as atividades, presenças e ausências dos funcionários internos e externos.

modal controle de ponto blog