Qual a multa por não avisar férias com antecedência? Conheça as regras da CLT

Qual a multa por não avisar férias com antecedência? Tudo que você precisa saber sobre as regras do aviso de férias na CLT. Veja mais neste artigo!
Sumário
Qual a multa por não avisar férias com antecedência

Qual a multa por não avisar férias com antecedência? Essa é uma pergunta que frequentemente surge entre trabalhadores e empregadores, evidenciando uma área nebulosa e crucial das relações trabalhistas regidas pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Afinal, o aviso prévio das férias é uma etapa fundamental para a organização das atividades laborais, tanto para o empregador quanto para o empregado. No entanto, as regras que envolvem esse processo podem gerar incertezas e, em casos de descumprimento, acarretar em implicações financeiras e jurídicas significativas.

Ao longo deste texto, vamos explorar as disposições da CLT relacionadas ao aviso de férias, elucidando as dúvidas mais comuns que pairam sobre esse tema. É importante ressaltar que compreender essas normativas não apenas contribui para uma gestão eficaz do tempo e dos recursos humanos dentro da empresa, mas também assegura o cumprimento das obrigações legais, mitigando riscos e prevenindo possíveis litígios trabalhistas.

Portanto, se você busca clareza sobre as consequências de não comunicar as férias com a devida antecedência, está no lugar certo. Vamos adentrar nas nuances da CLT para desvendar as possíveis multas e implicações decorrentes desse descumprimento!

O que é o aviso de férias?

O aviso de férias é um procedimento previsto na legislação trabalhista brasileira, mais especificamente na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), que estabelece as regras e direitos dos trabalhadores. Esse aviso tem como objetivo principal informar ao empregado sobre o período em que ele usufruirá do seu direito a férias, permitindo que ele se organize pessoal e profissionalmente para esse período de descanso.

De acordo com a CLT, o empregador deve comunicar ao trabalhador sobre a concessão das férias com antecedência mínima de 30 dias. Essa comunicação pode ser feita por escrito, e deve especificar o período de início e término das férias, além de indicar qual será o período de pagamento do respectivo período de descanso.

É importante ressaltar que o aviso de férias não se confunde com o período de férias em si. Ele apenas antecede o período em que o empregado efetivamente estará de férias, servindo para que ele se prepare para esse período e, caso necessário, possa resolver questões pessoais ou profissionais antes de se ausentar do trabalho.

Além disso, o aviso de férias também é relevante para o empregador, pois permite que ele planeje melhor a alocação de recursos humanos dentro da empresa durante a ausência do trabalhador em férias. Dessa forma, o aviso de férias contribui para a organização do ambiente de trabalho e para a garantia dos direitos tanto do empregado quanto do empregador.

Aviso de férias na CLT: O que diz a lei?

O aviso de férias é um procedimento essencial estabelecido pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) que regula a relação entre empregador e empregado no que diz respeito ao período de descanso remunerado.

Essa comunicação deve ser feita por escrito e incluir informações precisas sobre o período de início e término das férias, além de detalhes sobre o pagamento correspondente. A exigência do aviso prévio de 30 dias visa proporcionar tempo suficiente para que tanto o empregador quanto o empregado se organizem adequadamente para o período de ausência do trabalhador.

De acordo com o artigo 135 da CLT, “A concessão das férias será participada, por escrito, ao empregado, com antecedência de, no mínimo, 30 (trinta) dias”. Essa comunicação formal é fundamental para garantir a transparência e o cumprimento dos direitos trabalhistas.

Além do aviso de férias, a CLT também estabelece outra obrigação para o empregador: o registro do período de férias do funcionário na ficha ou livro de registros dos empregados. Isso significa que é necessário documentar de forma precisa e detalhada o período em que o trabalhador estará de férias.

O empregado, por sua vez, deve entregar sua Carteira de Trabalho ao empregador antes do início do período de férias, para que o registro correspondente seja efetuado. Essa prática é essencial para garantir a conformidade com a legislação trabalhista e para evitar possíveis problemas futuros.

No caso de empresas que utilizam a carteira de trabalho digital, o registro das férias pode ser realizado de maneira eletrônica, conforme previsto no 3º parágrafo do artigo. Isso proporciona mais agilidade e praticidade no processo de registro e controle das férias dos funcionários.

É importante ressaltar que, apesar de ser comum que o empregador recolha a assinatura do colaborador no comunicado de férias apenas alguns dias antes do início do período de folga, essa prática não está prevista na CLT. 

A importância do aviso de férias para as empresas

Como você já sabe, o comunicado de férias não é beneficial apenas para o funcionário, mas também para a empresa, a qual irá precisar se planejar durante o período de afastamento daquele colaborador.

Dessa forma, o planejamento desse período de descanso permite que o setor de Recursos Humanos consiga se organizar e tomar as providências e cuidados necessários com a emissão da documentação, além de estabelecer como se terá alterações ou não nas funções dos demais funcionários durante o afastamento daquele membro.

Os principais pontos em que o aviso de férias se faz de extrema importância, para a empresa, são:

  • Preparo da documentação: Garante a conformidade legal e evita possíveis penalidades.
  • Definição de qual funcionário ficará responsável: Assegura a continuidade das operações e a distribuição equitativa das responsabilidades.
  • Análise, com o gestor responsável: Possibilita um planejamento financeiro e de recursos humanos mais eficiente.
  • Promoção de oportunidades de diálogo: Fomenta um ambiente de trabalho mais colaborativo e transparente.
  • Cumprimento da lei: Protege a empresa de possíveis litígios trabalhistas e mantém a reputação da organização intacta.

Como fazer o Aviso de Férias: Passo a passo 2024

Finalmente chegamos a um dos tópicos mais importantes deste artigo, principalmente se você exerce a função de empregador: como fazer o comunicado de aviso de férias?

Nós da equipe Genyo, preparamos um passo a passo com todos os detalhes que você precisa saber para iniciar esse processo de maneira correta e sem restar nenhuma dúvida. Logo, confira a seguir todas as etapas para elaborar esse comunicado:

Identificação dos Funcionários:

Inclua informações de identificação correta dos funcionários, como razão social, CNPJ, endereço, RG, CPF, número da carteira de trabalho e nome completo do funcionário.

Emissão do Documento

Após a identificação, emita o comunicado de férias e prepare suas vias. Essas devem ser assinadas pelo empregado para oficializar o período de férias.

O documento deve conter o período exato do último ano trabalhado e os dias em que o funcionário ficará ausente do serviço. Preste atenção nas datas para evitar problemas futuros.

Modelo do Documento:

Não existe um modelo único para o comunicado de aviso de férias. O critério principal é que todas as informações citadas acima estejam presentes para a oficialização do documento.

Diálogo sobre o Período de Férias:

Embora não seja previsto por lei, é recomendável que o empregador e o empregado entrem em consenso sobre o melhor período para as férias.

O diálogo ajuda a fortalecer os laços entre as partes e contribui para um ambiente de trabalho mais harmonioso.

Seguindo esses passos, você estará garantindo que o comunicado de aviso de férias seja feito de maneira completa e eficiente, respeitando os direitos e deveres de ambas as partes envolvidas.

Aviso de férias Outlook: Como ativar as respostas automáticas?

Uma questão muito interessante sobre o comunicado de férias envolve a disponibilização do aviso de férias Outlook. Com o e-mail, gestores e funcionários podem enviar respostas automáticas para clientes e colaborares mesmo durante o período de descanso.

Nesse sentido, usar respostas automáticas (fora do Office) de Outlook para Windows pode ser uma ferramenta poderosa para informar às pessoas que você não responderá imediatamente às suas mensagens de e-mail. O passo a passo é diferente para o Outlook Clássico e para o Novo Outlook.

Abaixo, vamos mostrar o passo a passo de ambas as alternativas.

Para o Outlook Clássico – Configurar uma resposta automática:

1. Selecione Arquivo > Respostas Automáticas.

2. Na caixa Respostas Automáticas, selecione Enviar respostas automáticas.

3. Defina um intervalo de datas para suas respostas automáticas, se preferir.

4. Na guia Dentro da Minha Organização, digite a resposta que deseja enviar para colegas de equipe ou de trabalho enquanto estiver ausente.

5. Selecione OK para salvar as configurações.

Desativar respostas automáticas de ausência temporária:

1. Se o Outlook estiver configurado para enviar respostas automáticas, escolha Desativar para desativá-las.

Para o Novo Outlook:

1. Na guia Exibir, selecione Exibir configurações.

2. Selecione Contas > Respostas Automáticas.

3. Selecione o botão de alternância Ativar respostas automáticas.

4. Selecione Enviar respostas somente durante um período de tempo e insira horários de início e de término.

5. Em Enviar respostas automáticas dentro de sua organização, insira a mensagem a ser enviada enquanto estiver fora.

6. Para configurar respostas automáticas para outras pessoas, selecione Enviar respostas fora da sua organização e adicione uma mensagem separada para esse público.

7. Quando terminar, selecione Salvar.

Com esses passos, você pode facilmente ativar as respostas automáticas no seu Outlook e manter uma comunicação clara e eficiente durante suas férias ou períodos de ausência.

Qual a multa por não avisar férias com antecedência

No âmbito empresarial, uma dúvida comum é se a empresa estará sujeita a alguma multa caso não realize o aviso de férias antecipadamente. Desse modo, qual a multa por não avisar férias com antecedência?

Para surpresa de muitos gestores e colaboradores, não existe nenhuma multa prevista na CLT para o empregador que falha em enviar o aviso de férias com menos de 30 dias de antecedência.

Qual a multa por não avisar férias com antecedência (2)

Essa incerteza é compreensível, pois a legislação trabalhista realmente prevê uma multa em caso de atraso na concessão de férias (art. 137) ou no atraso do pagamento (Súmula 450 do TST).

No entanto, caso haja o descumprimento do prazo da notificação prévia, não resultará na mesma condenação de pagamento com o dobro do valor devido, conforme estabelecido pelo Tribunal Superior do Trabalho.

Aviso de férias WhatsApp: Mensagens de ausência

Configurar mensagens de ausência no WhatsApp Business durante o período de aviso de férias é uma prática importante para garantir uma comunicação eficaz com clientes e parceiros comerciais.

Essa funcionalidade permite informar a ausência temporária e proporcionar uma experiência de atendimento satisfatória, mesmo quando não é possível estar disponível 24 horas por dia.

Você já explorou como configurar o aviso de férias no WhatsApp Business? Veja abaixo o passo a passo para utilizar essa ferramenta de forma simples e eficiente.

  • Abra o aplicativo do WhatsApp Business e acesse as configurações, clicando nos três pontinhos (para sistemas Android) ou em Configurações (para sistemas iOS).
  • Toque em “Ferramentas comerciais” e, em seguida, em “Mensagem de ausência”.
  • Ative a opção “Mensagem de ausência” e edite conforme necessário, depois selecione “OK”.
  • Toque em “Horário” para programar o envio da mensagem.

Você terá as seguintes opções:

  • Enviar sempre;
  • Horário programado;
  • Fora do horário de funcionamento.

Selecione a opção “Destinatários” para definir quem receberá a mensagem. Você pode optar por:

  • Todos;
  • Todos, exceto meus contatos;
  • Todos, exceto contatos específicos;
  • Somente contatos específicos.
  • Salve as configurações e pronto!

Com essas etapas simples, você pode configurar facilmente mensagens de ausência no WhatsApp Business, garantindo uma comunicação clara e eficaz com seus clientes, mesmo quando você não estiver disponível.

Aviso de Férias em cima da hora é permitido?

Como citamos anteriormente, na pergunta de qual a multa por não avisar férias com antecedência, a CLT não estabelece sanções específicas para as empresas que fazem isso. Por outro lado, na Justiça do Trabalho, a visão é um pouco diferente.

Recentemente, um caso envolvendo o coordenador de uma empresa de consultoria foi levado à Justiça do Trabalho, onde ele solicitou o pagamento das férias em dobro para uma empresa que fez o aviso de férias em cima da hora.

A empresa, por sua vez, defendeu-se argumentando que o descumprimento dos prazos constituiria apenas uma infração administrativa, não ensejando direito a indenização.

No entanto, ao examinar a questão, a juíza Anaximandra Kátia Abreu Oliveira sustentou a posição do empregado. Referindo-se à Orientação Jurisprudencial 386 do Tribunal Superior do Trabalho, ela destacou que, em casos de pagamento de férias em período inadequado, a parcela deve ser dobrada.

A decisão também ressaltou a falta de comprovação por parte da empresa quanto à comunicação da concessão de férias e apresentou contracheques que evidenciavam o pagamento efetuado fora do prazo, quando já estava em curso o período de descanso anual.

Portanto, a empresa foi condenada ao pagamento em dobro das férias referentes aos períodos aquisitivos de 2009/2010 e 2010/2011, acrescidas do terço constitucional.

Mesmo com o recurso interposto pela empresa, o Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região (MG) manteve, por unanimidade, a decisão de origem. Esses dados foram fornecidos pela Assessoria de Imprensa do TRT-3.

A importância do Controle de ponto no Aviso de Férias

Um bom controle de ponto eletrônico pode facilitar o aviso de férias de várias maneiras. Abaixo, listamos alguns dos exemplos mais relevantes para as empresas:

  • Registro de Frequência Preciso: Um sistema de controle de ponto eletrônico registra com precisão os horários de entrada e saída dos funcionários. Isso permite que a empresa tenha uma visão clara da frequência de cada colaborador, facilitando o planejamento das férias e garantindo que elas sejam concedidas de acordo com a legislação trabalhista.
  • Controle de Saldo de Férias: Com o controle de ponto eletrônico, é possível acompanhar o saldo de férias de cada funcionário de forma automatizada. Isso evita erros no cálculo do período aquisitivo e permite que a empresa saiba quando cada colaborador tem direito a tirar suas férias, facilitando o processo de agendamento e comunicação.
  • Geração de Relatórios: Os sistemas de controle de ponto eletrônico geralmente oferecem a opção de gerar relatórios detalhados sobre a frequência e as horas trabalhadas de cada funcionário. Esses relatórios podem ser úteis na hora de tomar decisões sobre a concessão de férias, pois fornecem informações importantes sobre a disponibilidade da equipe.
  • Automatização do Processo: Com um sistema de controle de ponto eletrônico integrado ao sistema de gestão de recursos humanos (RH), o processo de aviso de férias pode ser automatizado. Isso significa que o sistema pode gerar automaticamente os avisos de férias com base nas regras da empresa e da legislação trabalhista, economizando tempo e reduzindo o risco de erros.
  • Conformidade Legal: Um controle de ponto eletrônico preciso e bem gerenciado ajuda a garantir a conformidade legal com as regras trabalhistas relacionadas ao aviso de férias. Isso reduz o risco de processos judiciais e garante que a empresa esteja agindo de acordo com a lei.

Confira mais sobre outras leis trabalhistas nos artigos em nosso blog. Além disso, contratando a Genyo você terá acesso a muitos outros artigos que auxiliam a sua carreira profissional. Contrate agora e ganhe 15 dias grátis!

Outros artigos relacionados

Inscreva-se na
Genyo News

Toda semana na sua caixa de e-mail. É grátis!

Compartilhe este artigo

A gestão inteligente que o seu RH e DP merecem

Este controle de ponto digital permite acompanhar remotamente as atividades, presenças e ausências dos funcionários internos e externos.

modal controle de ponto blog