19 nov 2020

Como implantar uma equipe multidisciplinar de sucesso?

equipe multidisciplinar

Já pensou em montar um time com profissionais de qualificações, técnicas e experiências diferentes? Essa diversidade curricular é uma opção para fortalecer a cultura empresarial. Esse tão variado, porém complementar, grupo de colaboradores, é chamado de equipe multidisciplinar.

Uma formação tão variada em uma equipe, não é uma questão de excentricidade. Muito antes pelo contrário: essa pluralidade de talentos fortalece os pilares que sustentam cada uma das pedras angulares da empresa. Desde que seja bem estruturada, a multiplicidade de talentos torna-se peça imprescindível para que um determinado empreendimento alcance o sucesso desejado e, sobretudo, promova inovação no mercado.

Neste post, vamos conversar sobre esse assunto tão importante para o meio corporativo. Além de entender os conceitos, você descobre como implantar uma equipe multidisciplinar.

Vamos desbravar esse admirável mundo novo de conteúdo?

 

O que é uma equipe multidisciplinar?

Uma equipe multidisciplinar é um time formado por profissionais de diferentes áreas e perfis que se complementam. À sua maneira, cada membro desse grupo colabora com suas particularidades técnicas, habilidades comportamentais, experiências, entre outros fundamentos.

Alinhando as diferenças profissionais e conhecimentos, esses colaboradores trabalham buscando um único propósito: potencializar o sucesso da empresa.

A ideia é unir talentos diferentes entre si num mesmo objetivo para que, atuando de forma conjunta, possam fortalecer o desempenho coletivo. A partir de sua área de atuação, cada membro da equipe entrega um manancial de aprendizado e interação para que o conhecimento possa ser compartilhado e utilizado em prol das tarefas a serem cumpridas.

Curiosidade empresarial: o oposto de equipe multidisciplinar existe! Trata-se da equipe funcional ou unidisciplinar, que são compostas por profissionais com a mesma especialidade ou área de atuação.

5 passos para montar times multidisciplinares

Implantar um time desse, conforme você percebeu, não é só mais um processo seletivo que, inclusive, também pode ser via recrutamento interno. Na real, essa equação envolve competências técnicas, habilidades comportamentais e algumas outras premissas. A seguir, você confere 5 passos para montar uma equipe multidisciplinar de sucesso.

1. Trace os objetivos

A equipe multidisciplinar varia conforme a natureza do resultado a ser conquistado. Por isso, você precisa ter clareza sobre o objetivo a ser alcançado. Sendo assim, o seu primeiro ato é responder às seguintes perguntinhas chaves:

  • Para que montar uma equipe multidisciplinar?
  • A ideia é desenvolver um produto, ou concluir um projeto?
  • Quais são os seus critérios de sucesso para esse projeto?
  • Quem é o cliente ou usuário dos resultados que o grupo buscará alcançar?

A partir de suas respostas, fica mais fácil definir o objetivo do time e quais serão os planejamentos de trabalho adotados. Além disso, facilita a seleção dos profissionais mais indicados e te ajuda a semear as sementes da motivação desde o início.

2. Identifique as especialidades fundamentais

Agora que você já sabe qual caminho seguir, chegou a hora de identificar quais serão as mentes e mãos que te guiarão. Para conhecer esses profissionais, é necessário compreender quais são as especialidades indispensáveis para que a sua equipe multidisciplinar desenvolva o trabalho.

Exemplo prático: um jornalista, por mais que seja bem informado, pouco tem a acrescentar ao trabalho de uma equipe de vendas, concorda? Em contrapartida, um profissional da área de marketing tende a colaborar de forma substancial.

Para facilitar essa fase do processo, você pode elaborar uma lista com as competências técnicas, habilidades sociais e perfis profissionais adequados.

3. Selecione os profissionais necessários

Se for para definir a seleção de profissionais de uma equipe multidisciplinar, pense na “diversidade”. Porém, trabalhe com a ideia que todos do time se unirão num mesmo objetivo. Nesta fase, o importante é suavizar um pouco o grau de exigência. Uma pessoa carismática e alto astral, mas que não é 100% acadêmica, pode agregar valores que conduzirão o time na busca pelos resultados.

4. Defina os papéis com transparência

A clareza sobre o papel de cada membro é a base para a estruturação do trabalho da equipe multidisciplinar. Além de proporcionar a segurança necessária para as tomadas de decisões e direcionamentos, essa transparência minimiza as possibilidades de problemas no relacionamento profissional e pessoal entre os colaboradores.

5. Conte com um facilitador

Procure um profissional que tenha perfil facilitador, isto é, uma pessoa com habilidades diplomáticas para ajudar o grupo na compreensão de várias frentes. O auxílio vai desde as tarefas mais pragmáticas, como tomadas e decisões; passa pelos momentos cruciais, como a compreensão dos objetivos e planejamentos; e também marca presença no gerenciamento de conflitos. Um aspecto, no entanto, deve ser bem explicado: o facilitador precisa agir com 100% de imparcialidade.

 

Como gerenciar uma equipe multidisciplinar

Após implantar a equipe multidisciplinar, você terá que pensar em como gerenciar a rotina de trabalho dos membros do time. A seguir, você confere algumas diretrizes que te ajudarão a gerir o time com leveza, empatia, segurança e eficiência.

Conheça os membros da equipe

O gestor caprichoso é aquele que conhece os membros do time. Para isso, nada melhor do que dedicar um tempo para ouvir a voz dos colaboradores da equipe. Nesse sentido, as reuniões no formato One-On-One são ideais para conhecer de perto os pensamentos, ideias e problemas que um funcionário encara no dia a dia de trabalho.

Dê feedbacks

A cultura do feedback é uma das ferramentas mais importantes para o trabalho de um gestor de pessoas. Um retorno positivo mantém o colaborador entusiasmado, focado e, consequentemente, potencializa a dedicação em busca dos melhores resultados. Por sua vez, o retorno negativo mostra as falhas e incentiva a lapidação do talento.

Além disso, os feedbacks dão a oportunidade para que colaborador e empresa exponham e alinhem seus respectivos pontos de vista.

Foco no interesse coletivo

Se o suporte for direcionado a um número reduzido de membros, o time terá abertura para conflitos, desmotivação e dispersão. Por essas e outras, para aproveitar os benefícios de contar com uma equipe multidisciplinar, o gestor precisa priorizar o interesse do coletivo. A melhor forma de lidar com essa questão é ter um bom planejamento estratégico, bem como enaltecer a importância de cada colaborador.

Estabeleça limites

Gerir uma equipe formada por talentos, bagagens sociais e capacidades técnicas tão distintas entre si, é um desafio diário. Parte desse combo é desenvolver a habilidade para dizer “não”.

O ambiente de trabalho demasiadamente permissivo não proporciona um clima leve, mas faz do local uma algazarra generalizada. A consequência disso tudo, como você pode imaginar, compromete os níveis dos resultados.

Procure maneiras imparciais e razoáveis para estabelecer limites. Essa atitude impede as eventuais disputas por controle, apaga as fogueiras de vaidades e fortalece as relações entre os colaboradores.

 

Genyo: o controle de ponto para a sua equipe multidisciplinar

E para terminar esta nossa conversa sobre gestão de pessoas, precisamos comentar sobre a questão do controle de ponto dos membros de sua equipe multidisciplinar. Se você quer descobrir como gerenciar a jornada de trabalho sem burocracias, continue por aqui.

No mercado de tecnologia brasileiro, a melhor opção para este serviço é o controle de ponto digital Genyo. Inteligente até no nome, essa solução foi planejada para facilitar o trabalho do gestor. Regulamentado pela portaria 373/11 do MTE, que permite a marcação da jornada diretamente do smartphone ou computador dos colaboradores, o sistema também oferece aplicativo grátis para celulares Android e iOS.

Entre outras funções incríveis, o sistema calcula horas excedentes e adicionais noturnos de forma automática e possibilita a criação de escalas de trabalho – para trabalhadores CLT e estagiários. Além disso, ao registrar o ponto, é possível saber a localização exata do trabalhador, por exemplo, e até mesmo confirmar a identidade dele por meio de uma foto.

O Genyo tem tudo isso e muito mais para você! Não perca mais tempo com relógios de ponto obsoletos e deixe a inovação fazer parte do cotidiano da sua empresa.

Seja o primeiro

Qual sua opinião sobre o assunto?

Seu email não será publicado ;)