Décimo terceiro salário atrasado? Veja as multas e implicações.

Seu décimo terceiro salário atrasado está causando preocupações? Entenda seus direitos, multas e como proceder. Veja mais neste artigo!
Sumário
décimo terceiro salário atrasado

O décimo terceiro salário atrasado pode causar preocupações para os trabalhadores. É importante entender seus direitos, multas aplicáveis e como proceder para receber o pagamento atrasado. O não pagamento do décimo terceiro salário dentro dos prazos estabelecidos pela legislação pode resultar em multas administrativas para as empresas. Essa multa é de R$ 170,25 por empregado, podendo dobrar em caso de reincidência. Além disso, o empregador pode ser obrigado a arcar com a correção do valor pago em atraso ao trabalhador, dependendo da convenção coletiva da categoria. Caso o pagamento do décimo terceiro salário seja atrasado, o empregado deve notificar a empresa e, se necessário, fazer uma denúncia ao Ministério do Trabalho ou ao sindicato da sua categoria. Em último caso, é possível entrar com uma ação na Justiça do Trabalho para cobrar a dívida.

Principais pontos abordados:

  • Multa por atraso no décimo terceiro salário
  • Como receber o décimo terceiro salário atrasado
  • Prazo para o pagamento do décimo terceiro salário
  • Seus direitos em relação ao décimo terceiro salário
  • Procedimentos para reivindicar o décimo terceiro salário atrasado

Prazo para pagamento do décimo terceiro salário

O prazo para o pagamento do décimo terceiro salário é determinado por lei e é fundamental que as empresas sigam essas datas para evitar problemas legais. O décimo terceiro salário é dividido em duas parcelas e cada uma possui um prazo específico.

  1. Primeira parcela: A primeira parcela deve ser paga até o dia 30 de novembro. Nessa primeira parcela, o trabalhador recebe metade do valor total do seu salário bruto, sem nenhum desconto.
  2. Segunda parcela: Já a segunda parcela deve ser paga até o dia 20 de dezembro. Nessa segunda parcela há o desconto de Imposto de Renda e INSS, o que resulta em um valor menor do que o da primeira parcela.

É importante ressaltar que a segunda parcela deve ser paga mesmo que o salário tenha sido reajustado depois do pagamento da primeira parcela. O atraso no pagamento do décimo terceiro salário pode gerar dificuldades financeiras para os trabalhadores, sendo necessário seguir os procedimentos legais para garantir o recebimento do valor devido.

Multa por pagamento do décimo terceiro salário em atraso

O não cumprimento do prazo para o pagamento do décimo terceiro salário pode acarretar em multas e penalidades para a empresa. A legislação estabelece que o empregador pode ser penalizado em casos de atraso no pagamento.

Quantidade de Dias em Atraso Multa por funcionário
Até 30 dias R$ 170,25
De 31 a 60 dias Multa dobrada

O pagamento em atraso do décimo terceiro salário pode trazer sérias consequências para as empresas, tanto financeiras quanto legais.

É importante que os trabalhadores conheçam seus direitos e estejam atentos aos prazos estabelecidos. Em caso de atraso, o empregado deve notificar a empresa e, se necessário, procurar orientação junto ao Ministério do Trabalho ou ao sindicato da sua categoria.

Direito ao décimo terceiro salário

O décimo terceiro salário é um direito garantido por lei a todos os trabalhadores contratados em regime CLT, ou seja, com carteira assinada. Para ter direito ao décimo terceiro salário, é necessário ter trabalhado por pelo menos 15 dias durante o ano e não ter sido demitido por justa causa.

O valor do décimo terceiro salário é calculado com base nos meses trabalhados, sendo que cada mês equivale a 1/12 do salário. Dessa forma, quem trabalhou o ano inteiro recebe o valor integral do salário como décimo terceiro.

É importante ressaltar que, caso haja atraso no pagamento do décimo terceiro salário, existem medidas legais para garantir o recebimento do valor devido. Além disso, é necessário estar atento às eventuais cláusulas presentes nas convenções coletivas da categoria, que podem determinar a correção do valor em caso de atraso.

Calculando o décimo terceiro salário atrasado

Para calcular o décimo terceiro salário atrasado, é necessário considerar o valor do salário integral, sem descontos. Se a primeira parcela do décimo terceiro salário já tiver sido paga, ela deve ser descontada do valor total devido. Em seguida, deve-se dividir o valor restante pelos meses trabalhados e multiplicar pelo número de meses de atraso.

A fórmula para o cálculo do décimo terceiro salário atrasado é a seguinte:

Valor total devido Desconto primeira parcela Valor restante Meses trabalhados Meses de atraso Décimo terceiro salário atrasado
R$ X R$ X R$ X X X R$ X

É fundamental lembrar que, em casos de atraso no pagamento do décimo terceiro salário, o trabalhador pode buscar orientação nos sindicatos da categoria ou no Ministério do Trabalho para garantir seus direitos.

cálculo décimo terceiro salário atrasado

Processo para receber o décimo terceiro salário atrasado

Quando o décimo terceiro salário não é pago dentro dos prazos estabelecidos, é importante que o empregado tome algumas medidas para garantir o recebimento desse direito. Confira o processo para receber o décimo terceiro salário atrasado:

  1. Notificar a empresa: O primeiro passo é entrar em contato com o setor de recursos humanos ou financeiro da empresa e informar sobre o atraso no pagamento do décimo terceiro salário.
  2. Fazer uma denúncia: Se a situação não for resolvida internamente, o trabalhador pode fazer uma denúncia ao Ministério do Trabalho ou ao sindicato da sua categoria. Eles poderão auxiliar na resolução do problema e garantir o cumprimento dos direitos trabalhistas.
  3. Entrar com uma ação: Caso as medidas anteriores não surtam efeito, é possível entrar com uma ação individual ou coletiva na Justiça do Trabalho para cobrar a dívida do décimo terceiro salário atrasado.

É importante ressaltar que, se o empregado solicitou o adiantamento do décimo terceiro salário nas férias, ele não receberá a primeira parcela, apenas a segunda.

Ao seguir esses passos, o empregado estará lutando pelos seus direitos e buscando receber o décimo terceiro salário devido.É fundamental estar ciente dos prazos e procedimentos legais para garantir o pagamento correto dessa importante remuneração.

Como é pago o décimo terceiro salário

O décimo terceiro salário é uma gratificação devida aos trabalhadores e é pago em duas parcelas. Na primeira parcela, que deve ser paga até o dia 30 de novembro, o trabalhador recebe metade do valor total do seu salário bruto, sem nenhum desconto. Essa primeira parcela é uma antecipação do décimo terceiro salário e pode ajudar a aliviar as despesas de fim de ano.

Já na segunda parcela, que deve ser depositada até o dia 20 de dezembro, há o desconto de Imposto de Renda e também do INSS, o que resulta em um valor líquido menor em relação à primeira parcela. Mesmo que o salário tenha sido reajustado após o pagamento da primeira parcela, é importante lembrar que a segunda parcela deve ser paga integralmente.

É fundamental que as empresas cumpram os prazos estabelecidos para o pagamento do décimo terceiro salário, pois o atraso no pagamento pode gerar dificuldades financeiras para os trabalhadores. Caso ocorra o atraso, é necessário seguir os procedimentos legais para garantir o recebimento do valor devido, notificando a empresa e, se necessário, fazendo uma denúncia ao Ministério do Trabalho ou ao sindicato da sua categoria.

FAQ

O que acontece se o décimo terceiro salário estiver atrasado?

O não pagamento do décimo terceiro salário dentro dos prazos estabelecidos pela legislação pode resultar em multas administrativas para as empresas. Essa multa é de R$ 170,25 por empregado, podendo dobrar em caso de reincidência. Além disso, o empregador pode ser obrigado a arcar com a correção do valor pago em atraso ao trabalhador, dependendo da convenção coletiva da categoria.

Qual é o prazo para o pagamento do décimo terceiro salário?

O prazo para o pagamento do décimo terceiro salário vai até a data prevista na legislação. A primeira parcela deve ser paga até o dia 30 de novembro, enquanto a segunda parcela deve ser paga até o dia 20 de dezembro.

Quais são os direitos relacionados ao décimo terceiro salário?

O décimo terceiro salário é um direito de todos os empregados contratados em regime CLT, ou seja, com carteira assinada. Para ter direito ao décimo terceiro salário, o empregado deve ter trabalhado por pelo menos 15 dias durante o ano e não ter sido demitido por justa causa. O valor do décimo terceiro salário é calculado com base nos meses trabalhados.

Como posso receber o décimo terceiro salário atrasado?

Caso o pagamento do décimo terceiro salário seja atrasado, o empregado deve notificar a empresa e, se necessário, fazer uma denúncia ao Ministério do Trabalho ou ao sindicato da sua categoria. Em último caso, é possível entrar com uma ação na Justiça do Trabalho para cobrar a dívida.

Como é feito o pagamento do décimo terceiro salário?

O décimo terceiro salário é pago em duas parcelas. Na primeira parcela, o trabalhador recebe metade do valor total do seu salário bruto, sem nenhum desconto. Essa primeira parcela deve ser paga até o dia 30 de novembro. Já na segunda parcela, que deve ser depositada até o dia 20 de dezembro, há o desconto de Imposto de Renda e INSS, resultando em um valor menor do que o da primeira parcela.

Outros artigos relacionados

Inscreva-se na
Genyo News

Toda semana na sua caixa de e-mail. É grátis!

Compartilhe este artigo

A gestão inteligente que o seu RH e DP merecem

Este controle de ponto digital permite acompanhar remotamente as atividades, presenças e ausências dos funcionários internos e externos.

modal controle de ponto blog