Controle de ponto Uber: a melhor forma de acompanhar os motoristas?
12 abr 2020

Controle de ponto Uber: a melhor forma de acompanhar os motoristas?

controle de ponto uber capa

Com pouco mais de 10 anos de operação, a empresa americana Uber presta serviços de transporte privado urbano em cerca de 65 países. Contando com cerca de 5 milhões de motoristas parceiros no mundo inteiro, a multinacional é fonte de renda – seja principal ou complementar – de várias famílias.

É muita gente dirigindo, nem que seja algumas poucas horas e curtas distâncias por dia! Mas será que a Uber consegue monitorar e controlar o ponto dos motoristas?

No texto de hoje, você terá a resposta exata para a pergunta acima. Além disso, também te contaremos um pouco sobre como os motoristas podem gerenciar as horas trabalhadas e – assim – evitar quaisquer tipo de prejuízos com o aplicativo.

 

Neste artigo você vai aprender:
→ A atuação da Uber no Brasil
→ A relação profissional da Uber com os motoristas
→ Como o motorista controla as horas que dirige para a Uber?
→ A solução genial

 

A atuação da Uber no Brasil

A Uber começou a operar no Brasil, na cidade do Rio de Janeiro (RJ), em maio de 2014 . Na sequência, foram as vezes de São Paulo (SP) e Belo Horizonte (MG), em junho e setembro daquele ano, respectivamente. Cerca de dois anos e meio depois, o serviço já havia conquistado as capitais e as principais cidades do interior de estados de todas as regiões do país.

Segundo dados recentes, dentro do território nacional, a Uber tem mais de 22 milhões de usuários e mais de 600 mil motoristas parceiros. Com esses números, o Brasil é o segundo maior mercado da empresa, sendo superado apenas pelos Estados Unidos. Atualmente, a atuação da gigante dos transportes abrange mais de 100 municípios brasileiros e contempla mais de 22 milhões de passageiros. É um excelente número de gente indo, vindo e conduzindo.

 

A relação profissional da Uber com os motoristas

A Uber não emprega nenhum motorista e não é dona de nenhum veículo. O trabalho da empresa é oferecer uma plataforma tecnológica para que motoristas parceiros se conectem de forma fácil e a usuários que buscam por viagens acessíveis e confiáveis.

Por sua vez, o condutor precisa cadastrar um veículo que cumpra os requisitos de cada categoria e cidade e inserir o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV). Isto é, o documento que confirma que o carro tem permissão e condição de circular em vias particulares e públicas, no aplicativo. Além disso, é obrigatório ter carteira de habilitação com autorização para exercer atividade remunerada (EAR). Para incluir essa observação na CNH, basta procurar o Detran local.

Como não possui vínculos empregatícios com seus motoristas parceiros, a Uber não possui um sistema de controle de ponto para motoristas. Em contrapartida, a empresa determina que o condutor pode dirigir até 12 horas por dia para o aplicativo. Para gerenciar o tempo que seus parceiros passam junto ao volante, a empresa tem um recurso para monitorar as horas que o motorista passa abraçado ao volante.

 

O app dos parceiros

Disponível no app para os condutores que prestam serviços à plataforma, a ferramenta está pronta para penalizar o profissional que dirigir por mais de 12 horas por dia. Se pego cometendo infração, o motorista tomará um balão de 6 horas sem poder fazer corridas pelo aplicativo.

Convenhamos: para um trabalhador informal, essa penalidade pode causar um tremendo de um dano financeiro. Afinal de contas, as 6 horas de suspensão podem render num bom número de viagens, não é mesmo? Se você estiver impedido de fazê-las, outro parceiro da empresa vai ser indicado para atender as chamadas dos clientes.

Em contrapartida, a medida mostra que a Uber se preocupa com a integridade física e com a saúde de seus motoristas e passageiros. No final das contas, tudo é uma questão de gerenciar o tempo de direção.

 

Como o motorista controla as horas que dirige para a Uber?

Se você é motorista parceiro da Uber e não quer comprometer o dinheiro tão suado, saiba que está na hora de começar a gerenciar melhor as horas que passa no trânsito. Lembre-se que trabalhar é preciso, mas a vida não pode se resumir em transportar as pessoas pelas ruas e avenidas das grandes cidades.

Pensa comigo: se existe controle de ponto para motoristas de ônibus e caminhão, a tecnologia não deixaria os condutores parceiros da maior empresa de transporte por aplicativo na mão. Desta forma, esteja pronto para ter o controle do tempo que passa abraçado ao volante na ponta dos dedos. Ideal até para se fazer a conciliação do trabalho apontado pela Uber com o que você registra no outro aplicativo.

Quer saber como fazer a gestão do tempo que você passa dirigindo? Continue neste texto, pois, preciso te indicar uma ferramenta que vai te ajudar a não ter nem um centavo de prejuízo. Além do mais, será possível gerenciar sua jornada trabalhada e, assim, aproveitar melhor seu tempo livre. Depois de cumprir sua carga horária junto ao volante, você pode consumir conteúdos e livros que ampliarão sua visão empreendedora.

 

Controle de ponto Uber: uma solução genial

Controle de ponto Uber para você gerenciar as horas que você dirige é uma tarefa fácil de ser simplificada. Para facilitar essa tarefa, no entanto, é preciso optar por uma solução digital. A nível nacional o mercado te oferece o controle de ponto da Genyo, que já vem com aplicativo para Android e iOS.

O serviço possui usabilidade intuitiva, design moderno e uma equipe de suporte pronta para esclarecer quaisquer dúvidas. Por não demandar instalações e manutenções técnicas, a aplicação do Genyo envolve muita praticidade e não são necessários mais do que 10 minutos para começar a usar.

Depois que instalar o app, além de não sofrer perdas com as punições da Uber, você conseguirá gerenciar suas horas trabalhadas. Com poucos toques na tela do smartphone, será possível perceber que está na hora de dar uma pausa no trânsito e fazer alguns alongamentos. Afinal de contas, passar muito tempo sentado causa dores nas costas e nos músculos das pernas, mãos, braços e pescoço.

Além dessas questões ergonômicas, ficará bem fácil calcular o tempo para aquela caminhada ou até mesmo curtindo um pouco o horário de almoço com a família.

Não perca mais tempo: crie sua conta, e comece a fazer o controle de suas horas trabalhadas com a solução que já começa genial pelo no nome! No final de cada dia trabalhado, você será um motorista ainda mais 5 estrelas!

Seja o primeiro

Qual sua opinião sobre o assunto?

Seu email não será publicado ;)